Quem já fundou uma empresa muito provavelmente gastou algum tempo com a tarefa: “Que nome devo dar para a companhia?”. Não sei se é puramente superstição mas essa tarefa parece determinar o sucesso ou fracasso da futura empresa.

Com a HashInvest não foi diferente.

Confesso que inicialmente consideramos algumas opções que começassem com bit, em uma alusão a bitcoin. Mas por menos surpreendente que possa parecer, essas alternativas já foram usadas interminavelmente. Por isso, partimos então para termos comumente usados no universo das moedas digitais, até que finalmente chegamos a HashInvest.

Mas do que uma aula de história, no texto de hoje eu vou tentar explicar do porquê de HASH ser tão relevante a ponto de usarmos esse termo no nome da empresa.

Para isso, primeiramente vamos analisar uma simples operação de multiplicação: 2 x 2 x 2 = 8.

Neste caso, existem diversas outras sequências cuja multiplicação resulta em oito, por exemplo, 2 x 4; 8 x 1; 1 x 8… Assim, o oito não pode ser usado como uma PROVA da sequência que existia antes da operação matemática (dois, dois e dois), afinal há inúmeras outras sequências que resultam no mesmo valor.

Acontece que há uma operação matemática que possui essa propriedade, ou seja, que pode ser usada como prova dos números que havia antes das contas. Isto porque a chance de colisão ou a chance de se chegar ao mesmo resultado usando uma sequência diferente é praticamente inexistente.

Se você leu o começo do texto, já deve ter imaginado que essa operação matemática se chama HASH. Este método foi desenvolvido pela NSA, aquela agência americana envolvida na polêmica com o Edward Snowden, e ela é usada para determinar a integridade de dados. Para isso, calcula-se o HASH de um conjunto de dados e compara-se o resultado com um valor conhecido. Se ambos forem iguais, os dados não foram alterados.

No Bitcoin por exemplo, calcula-se um HASH com todas as transações que fazem parte de um bloco e compara-se o resultado com o valor conhecido. Como nenhuma outra sequência resultaria no mesmo valor, prova-se que as transações incluídas no bloco não foram alteradas.

Como garantir a autenticidade de dados digitais é algo extremamente importante no mundo de hoje, existem diversas outras aplicações dessa operação, dentro e fora do mundo das criptomoedas.

Agora quando você ouvir o termo HASH, já sabe que ele está relacionado a integridade e segurança, justamente o que buscamos transmitir com o nome HashInvest.

Obs: Este artigo é uma réplica da Newsletter da HashInvest disponibilizada por e-mail e publicada aqui com alguns dias de defasagem. Quer receber a Newsletter na íntegra? Assine inserindo o seu e-mail abaixo:

Assine a nossa newsletter
Receba o conteúdo que interessa para o investidor em Criptomoedas!
Obrigado por assinar a nossa newsletter!
We respect your privacy. Your information is safe and will never be shared.
Don't miss out. Subscribe today.
×
×
WordPress Popup Plugin